Mudanças entre as edições de "Ordem dos Cavaleiros de Thelema"

De Ocultura
Ir para navegação Ir para pesquisar
Linha 3: Linha 3:
 
== O Manifesto ==
 
== O Manifesto ==
  
A Ordem dos Cavaleiros de Thelema, uma Ordem Iniciática da Externa, genuinamente brasileira, foi criada com o intuito de levar a todo ser humano existente da face da Terra, a Filosofia de Thelema, em toda sua integralidade, conforme os ditames de Liber Al vel Legis ( O Livro da Lei ), e de sua Carta Magna, Liber Oz.
+
A Ordem dos Cavaleiros de Thelema, uma Ordem Iniciática da Externa, genuinamente brasileira, foi    
 +
criada com o intuito de levar a todo ser humano existente da face da Terra, a Filosofia de Thelema, em toda sua integralidade, conforme os ditames de Liber Al vel Legis ( O Livro da Lei ), e de sua Carta Magna, Liber Oz.
  
 
Liber Al vel Legis é o principal e mais Sagrado Livro do Sistema Thelêmico. Foi recebido pelo Avatar To Mega Therion (Aleister Crowley) em abril de 1904, no Egito, ditado por Aiwass, uma entidade præter humana. Neste livro, encontra-se a mais profunda Filosofia da Vida Humana, e toda Sabedoria Mágicka para sua realização.
 
Liber Al vel Legis é o principal e mais Sagrado Livro do Sistema Thelêmico. Foi recebido pelo Avatar To Mega Therion (Aleister Crowley) em abril de 1904, no Egito, ditado por Aiwass, uma entidade præter humana. Neste livro, encontra-se a mais profunda Filosofia da Vida Humana, e toda Sabedoria Mágicka para sua realização.

Edição das 15h17min de 14 de setembro de 2007

O Manifesto

A Ordem dos Cavaleiros de Thelema, uma Ordem Iniciática da Externa, genuinamente brasileira, foi criada com o intuito de levar a todo ser humano existente da face da Terra, a Filosofia de Thelema, em toda sua integralidade, conforme os ditames de Liber Al vel Legis ( O Livro da Lei ), e de sua Carta Magna, Liber Oz.

Liber Al vel Legis é o principal e mais Sagrado Livro do Sistema Thelêmico. Foi recebido pelo Avatar To Mega Therion (Aleister Crowley) em abril de 1904, no Egito, ditado por Aiwass, uma entidade præter humana. Neste livro, encontra-se a mais profunda Filosofia da Vida Humana, e toda Sabedoria Mágicka para sua realização.


Fundação

A O.C.T. foi criada, no Brasil, por Frater Áster, Frater BenHoor, Frater M., Soror S.H., Frater S.O.L., Soror M. e Frater Z., formando o Conselho Secreto. Todos são cidadãos(ãs) brasileiros(as) e dedicados ao progresso da Nação Brasileira sem detrimento do restante do Mundo. Mas não aceitamos a ingerência estrangeira em nossos destinos, sejam materiais, sociais, espirituais ou políticas. Principalmente em relação ao desenvolvimento thelêmico. A Ordem possui Ramificações em vários estados brasileiros, todas independentes dentro de suas prerrogativas internas. O Governo Central da Ordem sendo meramente uma coordenação dos esforços nacionais pela realização dos ideais que Ela representa, a saber:

1) Gradual dissolução e transmutação de todas as formas religiosas baseadas em superstições e métodos de teurgia não harmonizados com os fatos conhecidos da Ciência e Lei da Evolução.

2) Estabelecimento dos princípios enunciados em LIBER OZ, como base dos códigos morais e judiciais de todas as nações civilizadas, sem prejuízo do processo político escolhido por cada povo com seu método de progresso social e econômico.

3) Defesa constante e promulgação constante da doutrina que Autonomia Individual é essencial ao progresso coletivo.

4) Promulgação constante e apoio aos métodos educacionais que estimulam o talento individual e encorajam Autonimia Moral e Intelectual em homens e mulheres de todas as classes sociais, seja qual for o sistema político.

5) Insistência constante na adaptação das leis e costumes de qualquer país aos direitos básicos do Ser Humano, qual definido em Liber Oz.

6) Total apoio a toda iniciativa ecológica que fora das idéias pseudo-científicas, procuram preservar a Natureza como um todo.

7) Restauração dos Ideais Maçônicos no Mundo, dentro das vibrações do Ciclo de Aquarius-Leo ou Æon de Hórus.

Estrutura

A Ordem divide-se em Nove Graus que estão distribuídos em Três Círculos. Todo Homem e toda Mulher maior de idade, gozando plenamente de suas faculdades mentais que, após cuidadoso estudo de Liber Oz, aceitar a Lei de Thelema, tem o Sagrado Direito a submeter-se às Iniciações dos Três Círculos. Todo membro da Ordem está ligado pelo Juramento Fundamental desta e declara Heru-Ra-Há, a Criança Coroada e Conquistadora, como Senhor do Æon. Informamos a todos aqueles que desejem ingressas na Carreira Iniciática e nas Vibrações do Novo Æon, que as provas serão severas, portanto:

Ai dos que crêem em Bem e Mal absolutos, ai dos idealistas, ai dos pedantes e dos sentimentalistas.

 Todos os perjuros, todos os ladrões, todos os subordinados e subordinadores, todos os assassinos, todos os devassos, todos os fracos, todos os covardes, todos os hipócritas são inimigos da Ordem. Ela está organizada com o expresso propósito de destruí-los.




Este texto foi cedido de material pessoal por Frater Nosce Te Ipsum, ex-membro e Secretário Geral da Ordem dos Cavaleiros de Thelema (então conhecido como Frater Physen).

Com o afastamento ao silêncio de Frater Áster (Supervisor Geral) e a morte de Frater BenHoor (Presidente), Frater S.O.L. assumiu a O.C.T. mas, pouco depois, em fevereiro de 2004e.v., retirou a mesma ao silêncio (e a sí próprio).