Old Charges

De Ocultura
Ir para navegação Ir para pesquisar

As Old Charges ou Antigos Deveres ou, ainda, Antigas Obrigações são, na verdade pergaminhos ou documentos escritos usados, a título de Constituição, pelos Maçons Operativos das Lojas de Talhadores de Pedra.

Atualmente o número desses manuscritos, conhecidos e reconhecidos como autênticos, já se aproxima dos cento e quarenta, dentre os quais, destacam-se:

  • O Poema Regius, de 1390, também chamado de "Manuscrito de Halliwell";
  • O Manuscrito de Cooke, de 1410;
  • Os Estatutos de Schaw, de 1598;
  • O Manuscrito de Inigo Jones, de 1607;
  • O Manuscrito de Kilwinning, de 1665;
  • O Manuscrito de Aitchison-Haven, de 1666;
  • O Manuscrito de Melrose, de 1674.

As Old Charges, por sua importância histórica, serviram para estabelecer na Inglaterra a existência de uma Maçonaria organizada antes da fundação da Grande Loja de Londres, embora com finalidades diferentes das que são hoje conhecidas, tendo, por isto mesmo, influído de modo marcante para a organização da Maçonaria Especulativa.

Ver também

Fonte de referência

  • Texto obtido no site da Grande Loja Maçônica do Estado da Paraíba